Mulheres morrem após endoscopia em SC

Pacientes tiveram parada cardiorrespiratória pouco depois do exame

Duas pessoas morreram em uma clínica particular de Joaçaba, na região oeste de Santa Catarina, após fazer uma endoscopia, que dignostica problemas no aparelho digestivo. As pacientes começaram a passar mal e tiveram uma parada cardiorrespiratória pouco depois do exame. Outras seis pessoas que fizeram a endoscopia estão internadas em hospitais da região, duas em estado grave.

A polícia suspeita que as mortes tenham sido provocadas pela contaminação dos tubos usados para fazer o exame ou pela anestesia aplicada na veia dos pacientes.

O material usado na clínica foi apreendido. O médico responsável foi autuado por homicídio culposo, pagou R$ 2.500 de fiança e vai responder processo em liberdade.

De acordo com o delegado Maurício Pretto, o laudo pericial vai definir as condições, se eram adequadas ou não para a realização dos exames.

Fonte: g1, www.g1.com.br