Americana é presa por suspeita de apunhalar ursinho de pelúcia em briga

a mulher ficou chateada e começou a atacar o urso de pelúcia com uma faca.

A americana Carly Marra foi presa na cidade de Casper, no estado do Wyoming, nos Estados Unidos, suspeita de ter apunhalado um ursinho de pelúcia enquanto discutia com o namorado.

De acordo com o jornal "Casper Star Tribune", enquanto esfaqueava o objeto, que fora um presente do namorado Jordan McAlexander, ela disse: "Gostaria que isso fosse você". A mulher foi acusada de agressão agravada e foi solta depois de pagar uma fiança no valor de US$ 5 mil.

Segundo os depoimentos, Carly e McAlexander, que têm juntos um filho de 16 meses, terminaram e se reconciliaram repetidas vezes. Depois de Carly ter tido um filho com outro homem, em janeiro, e de McAlexander retomar o relacionamento com uma ex-namorada, ele decidiu pôr fim ao namoro com Carly.

O homem contou que Carly pediu que ele passasse uma última noite ao lado da família antes de ir embora. Quando ela impediu que ele saísse da casa para fumar um cigarro, McAlexander começou a temer que a mulher não iria deixá-lo sair mais. Ele começou, então, a enviar mensagens de texto para os amigos e para a nova namorada, segundo o depoimento, para contar sobre a situação.


Americana é presa por suspeita de apunhalar ursinho de pelúcia em briga

De acordo com o relato de McAlexander, a mulher ficou chateada e começou a atacar o urso de pelúcia com uma faca. Quando ele tentou impedí-la, ela disse, segundo ele: "Eu vou esfaquear você". O homem conseguiu tirar a faca da mão de Carly e trancar a mulher no banheiro, antes de chamar a polícia.

Carly também foi acusada de posse de substâncias controladas. A polícia encontrou em sua casa cerca de 30 gramas de maconha. Ela alegou que iria enviar a droga ao pai para tratamento médico.

Fonte: G1