Antena que buscava ETs é desativada nos EUA

O conjunto de antenas foi colocado em "hibernação" por falta de apoio governamental, diz pesquisador

Sem dinheiro para pagar suas despesas operacionais, o Instituto Seti, na Califórnia, Estados Unidos, desligou a tomada do famoso Allen Telescope Array, um conjunto de antenas de rádio que vasculha os céus buscando sinais de civilizações extraterrestres.



Em uma carta enviada a doadores na sexta-feira, o presidente executivo do Instituto Seti, Tom Pierson, disse que, na semana passada, o conjunto de antenas foi colocado em "hibernação" por falta de apoio governamental adequado.

O momento não poderia ser pior, se queixam cientistas do Seti. Após anos de contemplação, astrônomos anunciaram recentemente que 1.235 novos possíveis planetas foram observados pelo Kepler, um telescópio montado em um satélite espacial.

Os cientistas acreditam que dezenas desses planetas devem ser do tamanho da Terra - e alguns estarão na "zona habitável", aquela na qual as temperaturas são apropriadas para a existência de água líquida.

Fonte: Estadão