Após confusão, homem discute com cachorro na base do latido

Após confusão, homem discute com cachorro na base do latido

O pior de tudo isso é a desculpa que o cara deu: "foi o cachorro quem começou"

Eles estavam latindo um para o outro. Eles quem? Timber, o cachorro da polícia, e Ryan Stephens, um doidão de 25 anos.

Quando a própria polícia interferiu e pôs fim à "discussão" dos dois animais, Ryan alegou "que foi o cachorro quem começou".

É, acredite. Foi isso mesmo que ele disse. Mas vale contar que as autoridades perceberam que ele estava bem chapado no momento.

Segundo o tabloide Metro, o policial Bradley Walker escreveu em seu relatório que o incidente, que aconteceu em Cincinnati, nos Estados Unidos, o que aconteceu.

- Timber respondeu como foi treinado e começou a latir.

Bradley tentou confrontar o doidão Ryan, mas o cara saiu andando. Mas eles pegaram o cara e deram a dica: atiçar faz o cachorro responder agressivamente.

O "animal" só foi solto quando um funcionário de um bar prometeu dar uma carona de carro e levá-lo para casa. Agora, ele tem que aparecer no tribunal no dia 21 de abril.

Fonte: R7, www.r7.com