Mulher ri no banco dos réus quando ouve sua sentença de prisão perpétua

Na hora da sentença, a mulher parecia relaxada

Uma assassina em série riu do banco dos réus quando ouviu a sentença de prisão perpétua, na Inglaterra. Joanna Dennehy, de 32 anos, matou três homens em menos de dez dias e disse que fez por diversão. Ela também esfaqueou outros duas vítimas.


Assassina ri do banco dos réus quando ouve sentença de prisão perpétua, na Inglaterra

Na hora da sentença, a mulher parecia relaxada. O juiz afirmou que Dennehy é uma pessoa ?cruel e calculista que matou para satisfazer seu próprio desejo sádico de sangue?.

- Embora você tenha se declarado culpada, não mostrou remorso nenhum em matar pessoas. As vítimas ainda foram escolhidas de maneira aleatórias - disse Spencer.

Kevin Lee, 48 anos, Lukasz Slaboszewski, 31, e John Chapman, 56, foram mortos pela inglesa nos arredores da cidade de Peterborough. Não foi possível contar o número de facadas que os homens receberam.

Dois cúmplices de Dannehy também foram condenados. Gary Stretch e Leslie Layton ajudaram a mulher a eliminar os corpos. Um terceiro homem, Robert Moore, está aguardando a sentença depois de admitir que também ajudou.

Fonte: Extra