Após 41 anos, britânico descobre que tinha projétil na mandíbula

O britânico Tommy Bennett, de 51 anos, descobriu após realizar um raio-X que viveu por mais de 40 anos com um chumbinho alojado em sua mandíbula

O britânico Tommy Bennett, de 51 anos, descobriu após realizar um raio-X que viveu por mais de 40 anos com um chumbinho alojado em sua mandíbula. Bennett, que mora em Washington, na Inglaterra, havia se submetido a exames de rotina antes do tratamento odontológico quando os técnicos descobriram o projétil, segundo reportagem do jornal "Sunderland Echo".


Britânico descobre que viveu por 41 anos com chumbinho na mandíbula

"Eu sempre disparava os alarmes nos aeroportos e agora eu sei o motivo", disse ele, destacando que foi atingido por um tiro de uma arma de ar comprimido quando tinha dez anos, em 1970. Na época, ele pensou que o chumbinho não tivesse penetrado em seu rosto.

Fonte: g1, www.g1.com.br