Cão salva o dono após comer seu dedão

Graças ao animal, ele descobriu que estava com diabetes tipo 2.

O norte-americano Jerry Douthett credita a seu cão de estimação chamado "Kiko" o fato de ter descoberto que estava em um estágio avançado de diabetes tipo 2, quando o animal comeu seu dedão do pé, segundo reportagem da emissora de TV "WZZM".

Douthett contou que estava com um machucado no dedão há mais de um mês, mas preferiu não ir ao hospital e tratar do ferimento em casa. "Ele salvou minha vida", afirmou ele, destacando que, se não fosse seu cão, poderia ter demorado muito tempo para ir ao médico.

Douthett, que mora em Rockford, no estado do Michigan (EUA), contou que estava dormindo bêbado, quando acordou com o pé coberto de sangue. Ele chamou sua mulher, Rosee, e, quando foi ao banheiro lavar, notou que "Kiko" havia comido seu dedão do pé direito.

Quando ele foi internado no hospital, sua taxa de glicose (açúcar) no sangue era mais de 500 miligramas por decilitro, sendo que o normal é entre 80 e 100.



Fonte: g1, www.g1.com.br