Carteiros se recusam a entregar cartas por medo de gato

O gato já atacou 3 entregadores nas últimas semanas.

Carteiros estão se recusando a entregar correspondências em uma casa em Leeds, uma cidade ao norte da Inglaterra, porque eles estão assustados com um dos moradores: um gato. Aos 19 anos, o felino ?Tiger? (ou ?Tigre?, na tradução para o português), que passa a maior parte do dia tirando uma soneca, já atacou 3 entregadores nas últimas semanas.

De acordo com o diário britânico Daily Mail, a proprietária do animal, Tracy Brayshaw, de 43 anos, diz que os carteiros têm reclamado que Tiger fica à espreita, na portinhola que dá para a frente da casa, para atacá-los. ?É ridículo. Agora, tenho que me dirigir ao escritório do correio para pegar minhas correspondências, porque meu gato é considerado um risco para as pessoas?, diz. ?Ele é um gato velho, que não teria energia para atacar um carteiro?, afirma.

Segundo a administração do correio, o gato já atacou três diferentes carteiros, em três ocasiões distintas ? e inclusive perseguiu um deles pelo jardim. ?Chegaram a me dizer que Tiger cortou o braço de um entregador, rasgando a jaqueta dele. Pedi para ver fotos do machucado, mas eles não tinham?, conta Brayshaw.

O correio local comunicou que ?está tentando encontrar uma maneira de restabelecer a entrega das cartas, e evitar que seus empregados sofram ferimentos?.

Fonte: globo Rural