DNA da cueca suja entrega o ladrão à polícia

Polícia fez a investigação com base na análise de uma cueca suja

As autoridades do Estado de Washington, nos Estados Unidos, estão orgulhosas por terem conseguido relacionar o código genético de uma cueca que foi abandonada no local de um crime a um homem que já está na cadeia.

A polícia diz que o cara roubou uma série de produtos eletrônicos em outubro, na cidade de Shoreline. Na ocasião, ele deixou para trás seus sapatos sujos, as calças e suas cuecas

O detective do condado de King, Cary Coblantz, foi o sujeito que levou a operação cueca suja a cabo.

- Eu requeri especificamente que as cuecas fossem analisadas para que se traçasse um perfil de DNA e que este DNA fosse comparado em um banco de dados para o caso dele se assemelhar com o de algum suspeito.

Tiro cero. A amostra apontou para um homem de 39 anos, que, no começo de maio, se declarou culpado de cinco acusações de roubo de residências. O nome do suspeito ainda não foi revelado porque ele ainda não foi formalmente acusado pelo roubo de Shoreline.

Fonte: R7, www.r7.com