Empregada é acusada de misturar menstruação no café do patrão

Mulher indonésia de 24 anos admitiu a culpa diante do tribunal

Uma empregada doméstica de 24 anos foi processada em Choa Chu Kang, Cingapura, por colocar sangue menstrual no café de seu patrão, segundo o jornal local "Straits Times".

Jumiah, que é da Indonésia, é acusada de ter feito a mistura em 31 de agosto de 2011 no apartamento da vítima.

Ela trabalhava para Phang Nyit Sin, de 38 anos, havia um ano.

Jumiah, que admitiu a culpa, deve aparecer no tribunal na próxima semana.

Fonte: G1