Empresário é multado em R$ 3.200 por falar palavrões em frente à escola

Homem foi parado por excesso de velocidade e começou a ofender guarda. Andrew Priest chamou policiais de "porcos" e disse aquilo era "uma piada".

Um empresário de 39 anos residente de Cheshire, na Inglaterra, foi multado em R$ 3.200 após disparar uma sequência de palavrões em frente a uma classe de crianças de 6 anos, após ficar irritado por ter sido parado por infringir o limite de velocidade da via, de acordo com o jornal ?Daily Mail?.


Empresário é multado em R$ 3.200 por falar palavrões em frente à escola

Andrew Priest foi parado por um agente de trânsito comunitário ao ultrapassar o limite de 50 Km/h em uma área escolar, e parou o carro de luxo para discutir com oficial. Dentro de um carro de luxo, o homem afirmou que aquilo era ?uma piada?, já que o agente não era ?propriamente um policial porco?, e contestou a precisão do equipamento usado para medir a velocidade.

Após desferir diversos palavrões e perguntar se ?essa porcaria que eles ensinavam às crianças?, o homem disse que ganhava muito bem e que poderia pagar uma multa de R$ 180 por excesso de velocidade. De acordo com representantes da escola, as crianças ficaram assustadas com o comportamento do homem, e foram informadas que o ?moço teve um dia ruim?.

O caso chegou aos tribunais e Andrew foi condenado a pagar uma multa de R$ 3.200 por excesso de velocidade, além de mais R$ 3.200 pelo comportamento agressivo.

Fonte: G1