Esqueleto de múmia encontrado na Alemanha é de plástico; crânio é real

Conclusão é de peritos que analisaram a peça encontrada em agosto

Peritos descobriram que o esqueleto na múmia encontrada no sótão de uma casa em Diepholz, na Alemanha, é de plástico. O crânio, no entanto, é real, confirmam os especialistas nesta quarta-feira (25). A parte de plástico, segundo os peritos, é semelhante às estruturas utilizadas em aulas de medicina.


Esqueleto de múmia achada na Alemanha é de plástico; crânio é real

A múmia foi encontrada em agosto por um menino de 10 anos, Alexander Kettler, na casa de sua avó. Uma tomografia computadorizada mostrou o esqueleto humano quase intacto.

Quando a polícia abriu investigação sobre a idade dos ossos, o pai do garoto, Lutz Wolfgang Kettler, disse que não tinha nada a temer. Ele ainda afirmou que esperava que a múmia não fosse danificada no inquérito policial e que pudesse ser exibida em um museu.

A peça estava dentro de um sarcófago completo, que era guardado em uma caixa de madeira, quando foi achada pelo menino.

Segundo a imprensa alemã, o avô do menino havia viajado para o norte da África na década de 1950. Como o avô já falecido nunca falou sobre a múmia, o mistério sobre sua origem permanece.

Fonte: G1