Funcionário do correio acha cão para ser enviado; mulher é presa

Funcionário do correio acha cão para ser enviado; mulher é presa

Animal poderia ter morrido, segundo a polícia. Caso ocorreu em Minneapolis, no estado de Minnesota.

A norte-americana Stacey Champion, de 39 anos, foi presa em Minneapolis, no estado de Minnesota (EUA), depois que tentou enviar um cão pelo correio, segundo reportagem da emissora "WSB-TV".

De acordo com o Departamento de Polícia de Minneapolis, a mulher pretendia enviar o animal para o estado da Geórgia.

Os investigadores disseram que os funcionários do correio fizeram perguntas usuais sobre o conteúdo da caixa, se havia produtos perecíveis, líquidos ou materiais perigosos. A mulher teria dito que "não", mas alertou que o pacote era frágil e era para ter cuidado com ele.

Do lado de fora da encomenda, Stacy escreveu: "É para o seu 11 º aniversário. É o que você queria". Ela também teria dito aos funcionários do correio para não se preocuparem se eles ouvissem sons vindos da caixa, porque ela continha um robô de brinquedo.

Os funcionários desconfiaram e abriram a caixa. Para surpresa deles, havia um cãozinho dentro dela. Segundo a polícia e o correio, o animal provavelmente teria chegado morto ao seu destino.

Fonte: g1, www.g1.com.br