Grupo acha atum raro avaliado em R$ 3,7 milhões, mas o peixe é confiscado

Estudantes se depararam com animal de 136 kg em praia na Inglaterra. Jovens não conseguiram vender animal, ameaçado de extinção.

Um grupo de estudantes de Oxford, na Inglaterra, quase faturou uma bolada ao encontrar um peixe raro de 136 kg em uma praia na região de Kingsand, avaliado em mais de 1 milhão de libras (R$ 3,7 milhões), se o animal não tivesse sido confiscado pelo governo.

De acordo com o jornal ?Huffington Post?, Charlotte Chambers, Shauna Creamer, Hanna Ford, Sarah Little e Laura Pickervance estavam nadando de caiaque quando uma das jovens avistou o peixe conhecido como atum-rabilho, que estava boiando na água.

O animal, que já estava morto, tinha 2,15 m de comprimento, e foi trazido pelas jovens até próximo da costa, até que o grupo não conseguiu mais movê-lo com a ajuda dos caiaques.

Se fosse comercializado, o animal valeria uma fortuna, contudo, como essa espécie de atum está ameaçada de extinção, o Departamento de Meio-Ambiente e Assuntos Rurais enviou oficiais até o local, que identificaram e confiscaram o bicho, que foi levado para um congelador.

Fonte: G1 Globo