Homem invade cadeia para encontro amoroso

Ele fazia companhia à amada e também aliviava as tensões com muitos amassos

Às vezes, o amor não compensa. Um apaixonado que invadiu a cadeia várias vezes durante a noite, apenas para satisfazer seus desejos mais íntimos com sua amante que estava presa, acabou atrás das grades, longe da sua amada.

Daniele Eberhardt (sim, isso é nome de homem), 33 anos, escalou muros, driblou câmeras de segurança e usou até uma chave mixa para entrar na cadeia de Bielefeld, na Alemanha.

Por quase um mês, os pombinhos aproveitaram a distração dos guardas e se encontraram na cela 13, do centro de detenção C7, xadrez de condenadas por roubo, trafico de drogas e fraude.

Mas, sabe como é, a cadeia tem suas próprias regras. As outras presas também queriam aliviar as tensões do xilindró e deram com a língua nos dentes.

Uma das presas, que não quis se identificar, disse que era como estar no meio de um filme pornô ruim.

- Era horrível ficar escutando aquele geme-geme e aquele monte de cochichos de amor.

O casalzinho estava no meio dos amassos, quando um guarda com seu cão policial apareceram para dar um fim na pouca vergonha.

Os dois até poderiam se encontrar durante o dia, já que a presa tinha direito a visitas íntimas. Mas pelo jeito ela se sentia muito sozinha durante a noite.

No entanto, Daniele já tinha tentado visitar sua amada. Porém, seu pedido foi recusado, já que a pilantra havia dado o nome de outro cara à Justiça, como seu namorado oficial. Coisas no amor.

Fonte: R7, www.r7.com