Homem que fingia ser mudo para nao ser preso fala em tribunal

Homem que fingia ser mudo para nao ser preso fala em tribunal

"Obrigado", disse ele ao ouvir médico lhe desejar "boa sorte" em língua natal

Um ex-chefe dos correios que havia fingido ter perdido a fala por um ano para evitar ser preso por uma fraude de 400 mil libras (R$ 996 mil), na Inglaterra, acabou se entregando ao responder a um psiquiatra que o desejou ?boa sorte? em sua língua natal.

Segundo o inglês Daily Mirror, Amritpal Mehat, jovem de 26 anos que se dizia profundamente religioso, disse que havia sido emudecido por Deus. Vindo de uma família rica da Ásia, ele ouviu o ?boa sorte? do médico em seu Punjabi natal e não resistiu em responder ?obrigado? na língua -falada em uma região entre a Índia e o Paquistão.

O deslize foi revelado pela corte de Manchester, onde um júri decidiu que o ex-funcionário havia ficado mudo por ?malícia? e não por Deus.

Fonte: G1