Idoso de 70 anos atira no filho de 50 por causa de um karaokê

Ele se irritou porque filho ficou cantando dentro de casa

O norte-americano William Oller Sr., de 70 anos, foi preso em Redding, no estado da Califórnia (EUA), acusado de atirar contra o filho William Oller Jr., de 50, depois que ficou irritado porque o filho ficou cantando karaokê dentro de casa, segundo a emissora de TV "KRCR".

O inicidente ocorreu na última quinta-feira. Oller Jr. ficou ferido após o pai disparar, pelo menos, quatro vezes contra ele com uma arma calibre 22.

Oller Sr. foi levado para a cadeia acusado de tentativa de homicídio. A Justiça estipulou uma fiança de US$ 500 mil.

Apesar da confusão, o advogado de Oller Jr. afirmou que seu cliente não quer que o pai seja processado.

Fonte: G1