Israelense pede divórcio porque esposa cuida de 550 gatos

O coitado procurou as autoridades para dizer que não conseguia mais dividir a cama com sua mulher porque a cama estava cheia de gatos

m sujeito de Beersheba, sul de Israel, entrou na Justiça com um pedido de divórcio contra sua mulher porque ela levou 550 gatos para dentro da casa deles.

O coitado procurou as autoridades para dizer que não conseguia mais dividir seu leito marital com sua mulher porque a cama estava cheia de gatos que, mimados, não queriam saber de dormir no chão.

Em seu pedido de divórcio, o reclamante ainda disse que os gatos da casa não deixavam que ele fosse ao banheiro e cada refeição virou um verdadeiro tormento uma vez que, cada vez que ele se sentava para comer, um gato pulava em cima da mesa e roubava sua comida.

O casal até tentou a reconciliação durante a audiência, mas a mulher se recusou a abir mão dos gatos e preferiu abrir mão do marido.

A pergunta que fica é: Por que ele demorou tanto tempo para reclamar de 550 gatos? Não dava pra ter estrilado quando os bichanos ainda eram apenas um casalzinho atentado?

Fonte: R7, www.r7.com