Japonesa de 77 anos é condenada a devolver R$ 8,1 milhões a ex-amante

Homem dava dinheiro para mulher, pois ela alegou que tinha dívidas. Em vez de pagar dívida, japonesa comprou carros e apartamento de luxo.

Uma japonesa de 77 anos foi condenada a devolver R$ 8,1 milhões a um ex-amante, que agora tem 79 anos, por tê-lo enganado.

Segundo o jornal "Sports Nippon", que cita a decisão do tribunal de Shizuoka, a mulher pegou um total de 400 milhões de ienes de seu amante entre 2000 e 2007.

O tribunal considerou que a mulher envolveu o amante em uma trama amorosa para pode obter vantagens financeiras.

De acordo com o jornal, a mulher convenceu o amante a lhe dar dinheiro regularmente para ajudá-la a pagar uma dívida que havia contraído com um homem por não ter se casado com ele.

Mas, em vez de pagar a suposta dívida, a mulher comprou um Jaguar, uma BMW e uma Mercedes Benz, além de um apartamento de luxo.

Para satisfazer as exigências da amante, o homem se endividou e precisou vender propriedades que havia recebido de herança.

Fonte: G1