Juíza é acusada de fazer sexo com detento em cadeia nos EUA

Lisa Traylor-Wolff, de 52, teve contato inapropriado com detento de 26. Ela fez sexo com jovem em sala de reunião de cadeia no estado de Indiana.

Uma juíza e advogada de 52 anos foi acusada de má conduta profissional no estado de Indiana, nos EUA, após ter mantido relações sexuais com um jovem de 26 anos enquanto ele estava na prisão, segundo reportagem do jornal "Indianapolis Star".


Juíza é acusada de fazer sexo com detento em cadeia nos EUA

Juíza em dois condados do norte de Indiana, Lisa Traylor-Wolff também trabalhava como advogada criminalista.

De acordo com as autoridades, ela manteve uma relação íntima com um cliente de 26 anos de idade enquanto era advogada dele. No entanto a relação continuou mesmo depois que ele foi condenado à prisão.

As autoridades descobriram que Lisa teve um "contato inapropriado" com o jovem em uma sala de reuniões advogado-cliente no Centro Correcional de Miami em Peru, no estado de Indiana.

Ela tem 20 dias para apresentar sua defesa.

Fonte: G1