Ladrão "educado" revela rosto para câmeras de segurança

Ladrão "educado" revela rosto para câmeras de segurança

Banco de Ohio tem política que proíbe uso de chapeu e capuz.

Uma assalto a um banco de Ohio, EUA, nesta quarta-feira (18), poderia ser um crime sem solução, não fosse a boa educação do ladrão. O suspeito entrou na agência vestindo uma jaqueta com capuz e foi interpelado por funcionários, antes de anunciar o assalto, para que baixasse o acessório. Ele obedeceu e teve o rosto flagrado pelas câmeras de segurança.

A estratégia é parte da política ?No Hats, No Hoods? (?sem chapeus, sem capuzes? em português), que procura, justamente, expor o rosto de clientes para aumentar o nível de segurança nos bancos. Graças ao gesto, o FBI foi capaz de divulgar as imagens para as polícias e mídia de todo o país, que estão à procura do suspeito. Não foi revelada a quantidade exata de dinheiro subtraído.

Fonte: g1, www.g1.com.br