Médico vai pagar R$ 1,5 mi por apalpar os seios de assistente

Médico vai pagar R$ 1,5 mi por apalpar os seios de assistente

Incidente ocorreu quando Dhaliwal ensinava para a assistente um tratamento com dermoabrasão

O médico Gunwant Dhaliwal foi condenado em New Port Richey, no estado da Flórida (EUA), a pagar US$ 820 mil (cerca de R$ 1,55 milhão) a uma assistente por ter apalpado seus seios durante um treinamento, segundo reportagem da emissora de TV "WTSP".

Incidente ocorreu quando Dhaliwal ensinava para a assistente um tratamento com dermoabrasão (lixamento da pele), que é utilizado para corrigir imperfeições na pele.

Durante o treinamento, a mulher afirmou que o médico colocou as mãos dentro de sua blusa e começou a acariciar seus seios.

Fonte: G1