Menino de 4 anos é suspenso na escola por usar cabelo comprido

O pai agora vai deixar o cabelo crescer em solidariedade ao filho

O menino americano Taylor Pugh nem bem iniciou sua passagem pela escola e já conseguiu uma marca impressionante em seu currículo. Aos 4 anos, ele foi suspenso em um curso de pré-escola em Dallas, no Texas, por usar cabelos longos demais, segundo os padrões da escola.

"Eles me explusaram, sinto falta dos meus amiguinhos", reclama Taylor. As madeixas, que cobrem suas orelhas e a gola da camisa, violam o código de conduta e aparência imposto pelo distrito escolar de Balch Springs, no subúrbio de Dallas.

O pai, Delton, também não gostou da suspensão. "Parece que eles estão mais preocupados com o cabelo do que com a educação do meu filho", afirmou. "Não deveriam obrigar uma criança a fazer algo que ele não quer."

Delton, que trabalha como tatuador, costumava raspar a cabeça, mas agora vai deixar o cabelo crescer em solidariedade ao filho. Em novembro, ele recebeu uma carta dos diretores da escola de Taylor, dizendo que o menino seria suspenso se não cumprisse as normas de aparência.



Fonte: g1, www.g1.com.br