Morre no Japão o homem mais velho do mundo

Tanabe costumava dizer que o segredo de sua saúde era "não fumar e não beber"

O homem mais velho do mundo segundo o Guinness, Tomoji Tanabe, morreu nesta sexta-feira (19) por causas naturais aos 113 anos, em sua casa em Miyakonojo, na província de Miyazaki, ao sul do Japão, informou a agência local "Kyodo".

Nascido em 18 de setembro de 1895, na mesma cidade onde morreu, Tanabe costumava dizer que o segredo de sua saúde era "não fumar e não beber".

Uma das rotinas diárias de Tanabe, engenheiro civil aposentado e que cultivava hortas, era beber leite durante a tarde, enquanto lia os jornais do dia.

O idoso japonês, que escrevia um diário pessoal, sofreu um ataque cardíaco em maio, por isso tinha permanecido na cama desde então, com dificuldades para comer normalmente. Ele morreu enquanto dormia.

Tanabe foi designado o homem mais idoso da terra em junho de 2007, depois de morte de seu antecessor, um portorriquenho de 115 anos.

Fonte: g1, www.g1.com.br