Mulher é presa após agredir irmã gêmea por causa de vibrador

Caso ocorreu em Ellenton, no estado da Flórida

A americana Heidi Creamer, de 48 anos, foi presa em Ellenton, no estado da Flórida (EUA), acusada de agredir sua irmã gêmea após uma discussão envolvendo um vibrador e o namorado de uma delas.

Segundo a polícia, as duas começaram a bater boca, mas Heidi se tornou violenta e acertou um soco na irmã gêmea, Holly Creamer-Ryan.

A briga aconteceu no apartamento em que as duas irmãs dividem com o namorado de Heidi.

Quando a polícia chegou ao apartamento, Heidi estava trancada do lado de fora, batendo na porta e gritando obscenidades para sua irmã.

Ao ser colocada na viatura, Heidi afirmou aos policiais que as duas discutiram por causa de seu namorado e um vibrador. Ela foi acusada de violência doméstica.



Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

 

Fonte: G1