Mulher inválida é flagrada fazendo stripper

Mulher inválida é flagrada fazendo stripper

Ela recebeu quase US$ 23 mil em benefícios por invalidez

A americana Christina Gamble, de 43 anos, é acusada de receber ilegalmente um seguro por invalidez no estado da Pensilvânia, nos EUA, depois que foi flagrada pela seguradora trabalhando como stripper, segundo reportagem do jornal ?Philadelphia Daily News?.

A mulher teria alegado que machucou as costas enquanto trabalhava de garçonete em 2007 no restaurante Red Robin em Quakertown e, por causa da lesão, não poderia mais trabalhar. Quase um ano depois, em outubro de 2008, ela ganhou uma indenização de US$ 360 por semana.

No entanto investigadores privados que trabalhavam para a companhia de seguros do restaurante flagraram a mulher trabalhando como stripper em um clube adulto no final de 2008 na cidade de Wilson. Christina chegou a ser presa em abril deste ano após a descoberta do caso.

No total, a companhia de seguros pagou a Christina quase US$ 23 mil em benefícios por invalidez e mais de US$ 4 mil em despesas médicas.

Christina Gamble participou de uma audiência preliminar na terça-feira. A decisão será dada no próximo mês. Se condenada, ela pode pegar sete anos de prisão, além de multa.

Fonte: g1, www.g1.com.br