Mulher transgênera desfigurada por injeção de cimento ganha novo rosto

Segundo Chris, Rajee explicou que durante a transição de sexo, o tratamento com hormônios apenas altera as feições e o contorno do corpo até determinado limite

Não pense que é só no Brasil que vemos casos absurdos de pessoas que passaram por procedimentos estéticos praticados ilegalmente e cujos resultados foram desastrosos. De acordo com Chris Spargo do Daily Mail, um exemplo é o que aconteceu com Rajee Rajindra Narinesingh, uma mulher transgênera que teve cimento e selante de pneus injetados no rosto e corpo.

Segundo Chris, Rajee explicou que durante a transição de sexo, o tratamento com hormônios apenas altera as feições e o contorno do corpo até determinado limite. Assim, depois de ouvir falar sobre os procedimentos de pessoas que haviam passado por eles com — aparentemente — bons resultados, ela decidiu recorrer ao mercado negro para receber as injeções.

Crime

Rajee foi vítima de Oneal Ron Morris, que se tornou conhecida depois de ser processada por homicídio culposo nos EUA após a morte de uma paciente. Oneal, que não tem licença para atuar, usava materiais como óleo mineral e “Super Bonder” e, no caso de Rajee, ela aplicou injeções de cimento e selante de pneus nas bochechas, lábios e maxilar, assim como nos quadris, mamas e nádegas.

Não demorou muito para Rajee começar a ter problemas e, segundo disse, seu rosto ficou rígido como pedra. A área também se tornou tremendamente infeccionada, e ela acabou ficando desfigurada. Após passar vários anos em reclusão por conta da aparência, Rajee procurou um médico especialista em cirurgia reconstrutiva, e se submeteu a tratamentos com laser e injeções para suavizar o rosto e reverter parte do dano.

Reality show

Segundo Allison Corneau do portal US Magazine, a história de Rajee acabou aparecendo em um reality show exibido nos EUA chamado “Botched”, no qual pessoas que passaram por tratamentos estéticos malsucedidos recebem a ajuda dos cirurgiões Terry Dubrow e Paul Nassif.

Acostumados com plásticas que não deram certo, os médicos ficaram impressionados com o caso de Rajee, e durante o episódio a dupla estuda como eliminar os nódulos deixados pelo cimento nas bochechas, maxilar e mamas da transgênera. Segundo explicaram, o procedimento pelo qual Rajee passou é incrivelmente perigoso, e o pior é que tratamentos desse tipo vêm sendo realizados por pessoas que sequer são da área médica.

De acordo com os especialistas, os materiais utilizados podem variar de cimento a silicone, passando por produtos alimentícios e até substâncias usadas na calafetagem de banheiras. E uma vez esses produtos são injetados no organismo, não há muito que se possa fazer para reverter os resultados. Além disso, as chances de que complicações aconteçam são extremamente altas e, algumas vezes, elas podem inclusive ser fatais.

Desafios

Muitos dos pacientes que participam do reality show — que já recebeu o Ken humano e o rapaz obcecado em ficar igual a Kim Kardashian — tentaram ser atendidos pelos melhores cirurgiões do país, mas seus casos foram recusados. Assim, o programa é visto como uma espécie de último recurso para tentar reverter desastres cosméticos, e a dupla de médicos encara incríveis desafios tratando pessoas com danos que parecem irreparáveis.

Rajee, por exemplo, após procurar a ajuda de profissionais qualificados — e passar pelas mãos de Dubrow e Nassif —, conseguiu melhorar bastante a aparência e reconquistar um pouco de sua autoestima.

 

Fonte: Mega Curioso