Mulheres marcham por topless nos EUA

Organizadora do evento tentava o impossível: chamar atenção sem chamar atenção



As mulheres vivem dizendo que, se os homens podem tirar a camisa em público, elas também deveriam poder. Todo mundo já ouviu isso pelo menos uma vez na vida. Só que, neste sábado, em Portland, Maine (nos EUA), 24 mulheres se reuniram para mostrar que é possível.

A ideia foi da ativista Ty MacDowell e sua intenção era justamente esta ? mostrar que as mulheres e os homens deveriam ter direitos iguais no que diz respeito a andar sem camisa.

Entretanto, MacDowell se irritou com a quantidade de curiosos que o evento atraiu e, principalmente, com o tanto de gente que tirava foto das mulheres de topless sem ao menos pedir permissão.

- Quando todo mundo está vestido, qualquer pessoa pede autorização para tirar uma foto. Por que é que agora, quando as mulheres fazem topless, ninguém pede nada?

De acordo com o jornal Portland Press Herald, cerca de 500 pessoas acompanharam a marcha. Mulheres tiraram suas camisetas e desfilaram de peito aberto em nome da liberdade, mas os fotógrafos de celular eram maioria.

Não houve problemas com a polícia e ninguém foi detido porque, em Maine, não há nenhuma lei que impeça as mulheres de mostrar os peitos em público.

O único problema foi o foco que MacDowell escolheu dar para a manifestação. Quem é que faz uma manifestação para chamar a atenção a respeito de uma coisa que não deveria chamara atenção?

Seria mais razoável pintar a frase ?em Maine nós podemos? na barriga, daí sim, sair para rua de topless.

Fica a dica.

Fonte: R7, www.r7.com