Pai e filha são condenados por relação incestuosa em Dunedin

Homem foi pai aos 14 anos após envolvimento com mãe adotiva.

Um pai e uma filha foram condenados no mês passado por um juiz de Dunedin, na Nova Zelândia, por manterem uma relação incestuosa, segundo a emissora de TV "3 news".

O pai de 32 anos e a filha de 18 anos admitiram em audiência que mantinham um caso amoroso há dois anos. O casal tem uma filha de um ano.

A mulher disse que estava apaixonada por seu pai e que eles estavam vivendo como marido e mulher.

A jovem foi condenada pelo juiz Stephen O"Driscoll a 12 meses de supervisão da Justiça, enquanto o pai terá que cumprir 300 horas de serviços comunitários, além de 12 meses de supervisão.

O homem foi pai quando tinha apenas 14 anos. Ele teve um relacionamento com sua mãe adotiva enquanto ele tinha 13 anos e a mulher, 30.

Fonte: G1