Peritos não conseguem identificar criatura com chifres achada em praia

"É muito difícil saber com o que estamos lidando", disse órgão.

Especialistas da Associação em Defesa da Fauna Marina (Promar) não conseguiram identificar a carcaça de uma criatura com chifres que foi achada no dia 15 de agosto em uma praia de Almería, na Espanha. A carcaça tinha entre quatro e cinco metros.


Peritos não conseguem identificar criatura com chifres achada em praia

"Estava em decomposição muito avançada e não conseguimos identificar o que é", disse o porta-voz da Promar, Paco Toledano. "É muito difícil saber com o que estamos lidando", acrescentou ele.

Toledano destacou que o órgão enviou informações sobre os restos há outros especialistas, na tentativa de que eles pudessem identificar o animal.

Fonte: G1