Polícia apura morte de ator pornô engasgado com maconha

Os policiais estão investigando as circunstâncias da morte de Andrew Grande

Um ator pornô norte-americano de 23 anos morreu no estado norte-americano da Flórida supostamente engasgado com um pacote de maconha, segundo a polícia de Panama City Beach.

Os policiais estão investigando as circunstâncias da morte de Andrew Grande, que, na indústria da pornografia, usava o pseudônimo de Dustin Michaels.

Ele morreu quando tentava escapar de policiais. Toda a ação foi flagrada por um cinegrafista de uma produtora local.

O caso todo ocorreu na última sexta-feira (11). A polícia atendeu a um chamado de desordem ocorrido à beira-mar. Segundo o relato dos policiais, Grande teria agredido uma amiga.

Quando um dos policiais se aproximou para deter Grande, o ator teria resistido e enfiado algum objeto garganta abaixo. Nesse momento, outro agente atingiu-o com um taser.

Segundo os policiais, ele tentou escapar do taser e eles então perceberam que ele estava se engasgando.

Os policiais ainda tentaram desobstruir sua garganta, mas não conseguiram. Ele já estava inconsciente quando os serviços médicos chegaram. Um paramédico retirou o que foi identificado como um grande pacote de maconha de sua garganta.

Sua morte foi anunciada já no hospital.

O xerife Frank McKeithen disse que a situação é tragica, mas que Grande poderia ter evitado tudo se tivesse colaborado com os agentes.

Os três policiais envolvidos no caso estão afastados administrativamente de suas funções enquanto durarem as investigações.

Fonte: g1, www.g1.com.br