Polícia encontra herdeira que guardava R$ 16 milhões em casa

Polícia encontra herdeira que guardava R$ 16 milhões em casa

Senhor de 69 anos mantinha quantia formada por barras de ouro e moedas.

Oficiais da cidade de Carson City, no estado americano de Nevada, levaram mais de um mês para encontrar a pessoa que receberá por direito uma fortuna de R$ 16 milhões em moedas e barras de ouro, que foi encontrada junto a um senhor que morava sozinho e mantinha o tesouro em casa.

Walter Samasko Jr morava sozinho, não tinha parentes no estado, era recluso e odiava o governo. O homem foi encontrado depois que vizinhos relataram um mau cheiro vindo da residência de Walter. Quando a polícia entrou, encontrou o cadáver do senhor de 69 anos, que teria morrido em decorrência de problemas cardíacos.

O jornal ?Huffington Post? afirmou que a polícia contatou Arlene Magdon, residente na Califórnia, que ficou chocada ao saber que era prima e a única parente viva do senhor, que não confiava em bancos e tinha apenas R$ 400 em uma conta. A receita federal dos EUA deve ficar com uma fatia de R$ 1,6 milhão como impostos, e a quantia restante deve ser liberada ano que vem.

Quando o caso se tornou público, diversas pessoas procuraram a polícia alegando ser parentes de Samasko, incluindo um homem que afirmou ser um agente secreto que tinha batido a cabeça e, após o acidente, relembrado que era um parente de Walter.

Fonte: G1