Policiais obrigam jovens a fazerem sexo

Os agentes praticavam os crimes fora do horário de serviço em um parque onde fazim segurança

Três policiais bolivianos foram presos sob a acusação de obrigar jovens (homens e mulheres) a ficarem nus e a praticar sexo para gravá-los com celular e publicar as imagens na internet. Os agentes eram responsáveis pela segurança do parque onde praticavam os crimes fora do horário de serviço. O local, conhecido como "Bosquezinho de Pura Pura", é uma das maiores áreas de lazer de La Paz. As prisões aconteceram nesta sexta-feira (9). A imprensa local aponta que seriam até sete os suspeitos envolvidos no caso. Os vídeos -alguns dos quais chegaram a ser exibidios na TV- mostram que os policiais obrigavam as moças e rapazes a manterem relações sexuais sob ameaça de levá-los presos. O caso foi tornado público depois que uma vítima identificou os acusados. Segundo o jornal "La Razón", em um dos vídeos uma vítima recebe a ordem de abaixar as calças, ao que reage com a pergunta "que tipo de pessoas são vocês?". "Não somos pessoas, somos policiais", responde um dos suspeitos. Citada pelo mesmo diário, a Justiça informa que os acusados se dizem inocentes.

Fonte: g1, www.g1.com.br