Policial demitida por ser ""tarada"" perde ação judicial

Policial demitida por ser ""tarada"" perde ação judicial

Jessica foi demitida em setembro de 2007, apenas cinco meses após sua entrada na polícia

A australiana Jessica Parfrey, que foi demitida pela policia da Austrália após ser acusada de tentar fazer sexo com vários colegas, perdeu a ação na qual tentava reverter sua demissão, segundo reportagem do jornal ?Daily Telegraph?.

Jessica foi demitida em setembro de 2007, apenas cinco meses após sua entrada na polícia. Para o comissário assistente Michael Corboy, a conduta da jovem não condizia com os padrões esperados de um oficial de polícia.

Ele perdeu o emprego após ser acusada de tentar fazer sexo com um supervisor, oferecer sexo oral a um colega em um banheiro de um pub e ter assediado outro em um estacionamento, dizendo: "Eu sei que você me quer".

A jovem também deixou seis mensagens de texto no celular de outro colega, oferecendo-se para ajudá-lo a estudar para os testes da polícia. Ela afirmou que iria tirar uma peça de roupa para cada pergunta que ele acertasse.

Em sua defesa, Jessica, que não compareceu no tribunal, destacou que foi demitida injustamente, porque a maioria dos assédios sexuais alegados pelos colegas ocorreu fora do ambiente de trabalho, quando eles estavam bebendo.

Fonte: g1, www.g1.com.br