Professora é presa acusada de dar nota generosa a estudante após sexo

Professora é presa acusada de dar nota generosa a estudante após sexo

Kalyn Thompson manteve caso com aluno de 18 anos em escola nos EUA. Apesar de ser maior de idade, lei proíbe relacionamento professor e aluno.

Uma professora de 25 anos de uma escola de ensino médio em Kellyville, no estado de Oklahoma (EUA), foi presa acusada de dar uma nota generosa a um estudante de 18 anos após os dois manterem relações sexuais.

Segundo as autoridades, Kalyn Thompson concedeu ao estudante um resultado equivalente a 98% em seu teste de Inglês.

A professora manteve o primeiro encontro sexual com o jovem em março deste ano, logo após o estudante completar 18 anos.

Apesar de o estudante ser maior de idade, as leis locais proíbem os professores de ter relações sexuais com alunos ou ex-alunos, até eles completarem 21 anos.

Fonte: G1