Reciclagem: Calor de crematório vira um aquecedor de piscina

Reciclagem: Calor de crematório vira um aquecedor de piscina

Calor dispersado no processo pode ajudar a economizar muita grana em energia

Reciclar e evitar o desperdício é algo que está em pauta no mundo há um tempo. E a ideia agora é que uma pessoa dê calor à outras.

Como? É simples. Em Redditch (Inglaterra), uma piscina deve ser aquecida com o calor gerado por um crematório.

Com isso, mais de R$ 38 mil devem ser economizados por ano em gastos com eletricidade para esquentar a água.

Só que, segundo o jornal Telegraph, tem gente que não está querendo nadar em "água de morto". Essa é a previsão de Simon Thomas, dono da funerária.

- Eu não sei se as pessoas vão se sentir confortáveis ao nadarem em uma piscina aquecida com a morte de alguém que amam. Acho que é meio estranho.

E agora? Aproveitar o calor dos falecidos ou prejudicar o planeta?

Fonte: R7, www.r7.com