Tarado preso se escondia em privada para espiar mulheres

Tarado preso se escondia em privada para espiar mulheres

Um segurança do festival disse que chegou a perseguir o homem depois que ele saiu do banheiro químico

A polícia de Boulder, no estado americano de Colorado prendeu na sexta-feira (24) um homem de 30 anos suspeito de se esconder dentro da privada de um banheiro químico durante um festival de ioga na cidade, semana anterior.

Luke Ivan Chrisco foi preso devido a uma denúncia de mendicância, que sequer tinha relação com seu suposto crime inicial, segundo a polícia. Uma oficial teria percebido sua similaridade com os traços do "suspeito da privada", e ele acabou sendo preso e interrogado por um detetive.

A polícia acredita que se trata do homem descoberto dentro da privada por uma mulher na semana anterior. A participante do festival de ioga em Boulder teria percebido a presença dele ao levantar a tampa do vaso sanitário. Um homem que foi checar em seguida disse que viu alguém coberto por fezes.

Um segurança do festival disse que chegou a perseguir o homem depois que ele saiu do banheiro químico, mas ele acabou escapando.

Luke Ivan Chrisco enfrenta acusações de contato sexual ilegal e invasão de privacidade.

Fonte: g1, www.g1.com.br