Terapeuta é acusada de fazer sexo com dois presos

Ela foi suspensa das funções e depois pediu demissão.

Uma terapeuta foi acusada de ter mantido relações sexuais com dois presos perigosos no hospital psiquiátrico de alta segurança de Broadmoor, localizado na cidade de Crowthorne, no Reino Unido, segundo reportagem do jornal inglês "The Sun".



A mulher, que não teve o nome divulgado, teria feito sexo com Frank Welsford, de 36 anos, em duas ocasiões, sendo uma delas na lavanderia do hospital. Ela também teria realizado um ato sexual com o estuprador James Saunders, de 42.

A terapeuta chegou a ser presa, sendo solta após pagar fiança. Ela foi suspensa das funções e depois pediu demissão.

O escândalo aconteceu um ano após a enfermeira do hospital Rhoda Sibanda, de 32 anos, ter sido julgada por fazer sexo com um estuprador.

Fonte: g1, www.g1.com.br