Tiazona se irrita com gostosa e resolve na apalpada

Tiazona se irrita com gostosa e resolve na apalpada

Ela estava indignada com o decotão da outra e fez justiça com as próprias mãos

Laura Campanello, de 43 anos, teve que comparecer a uma reunião no colégio de seu filho, que tem 17 anos, na Flórida (EUA). O problema foi que ela cruzou com uma mulher de peito - até demais.

Quando passava pelos corredores da escola, Laura passou por uma garota, com um decote gigante, que estava visitando a escola com um aluno novo.

Indignada, a mãe do garoto mandou que a "decotuda" cobrisse a área exposta imediatamente. Só que ela se recusou, e um caliente quebra-pau começou entre as duas.

Segundo o site The Smoking Gun, o policial Greg Jenkins chegou até o local e avisou Laura de que a outra mulher "era uma adulta e que ela não poderia dizer a ela como se vestir".

Foi o suficiente para deixar a mais velha doida de raiva. E foi aí que ela despirocou.

- Ah é? Então eu posso... apenas fazer isso!

Foi o que Laura disse antes de fazer o que fez.

Como foi posteriormente detalhado pelo policial, ela "puxou a frente da blusa da garota, esticou as duas mãos, pegou os dois seios dela e os espremeu".

Obviamente, Laura foi presa pelo que fez. Mas, depois de pagar fiança de R$ 367 (US$ 220), ela saiu.

Fonte: R7, www.r7.com