Valentões forçam garoto a tatuar um pênis no bumbum

Valentões forçam garoto a tatuar um pênis no bumbum

Todos foram presos depois de terem imprimido um pênis nas nádegas de colega

Quatro imbecis e um menor de 15 anos foram presos sob acusação de forçar um outro garoto a tatuar a figura de um pênis em suas nádegas.

A polícia de Concord, em New Hapshire (EUA), diz que os acusados ameaçaram bater na vítima. Ele só escaparia da surra se fizesse a tatuagem. Os valentões disseram que ele ia ser tatuado por bem ou por mal e que aquele era o únco meio de escapar da agressão.

A vítima seria uma criança com dificuldades de aprendizado que seria alvo constante de brincadeiras cruéis. Ele foi enganado e levado para casa de um dos agressores e, lá, fizeram a tatuagem no garoto.

Depois que a maldade já havia sido feita, os autores ainda tiraram uma foto da obra, fizeram cópias e distribuíram pela escola inteira. A história rodou tanto que chegou aos ouvidos de um professor, que informou s autoridades.

A polícia deu uma busca na casa me que a tatuagem foi feita, confiscaram o equipamento que acreditaram ter sido usado no rapaz e interrogaram os suspeitos, que sequer sabiam o primeiro nome da vítima. Eles só o chamavam pela expressão de baixo calão que haviam tatuado ao longo do desenho.

Cinco suspeitos foram presos, os quatro maiores de 18 anos estão na foto acima e o outro garto, de 15 anos, não teve sua identidade revelada, mas também foi implicado no caso.

Eles foram presos e são acusados de vender substância controlada, arriscar a vida de uma crianã, agressão, exercício de tatuagem sem licença e comportamento criminoso.

Fonte: R7, www.r7.com