Viúva belga dormiu por um ano ao lado do marido morto em Bruxelas; confira

Corpo de idoso foi encontrado em bom estado de composição

Incapaz de superar o luto pela perda do marido, uma belga, de 69 anos, dormiu por um ano ao lado do corpo dele, no apartamento do casal, em Buxelas, na Bélgica. Os restos mumificados de Marcel H, de 79 anos, foram descobertos pelas autoridades locais, nesta terça-feira. A viúva foi levada para avaliação psiquiátrica. As informações são do Daily Mail.

De acordo com a polícia, acredita-se que Marcel tenha morrido após um ataque de asma, em novembro do ano passado. Desde então, apesar do cheiro da decomposição, sua esposa, cujo nome não foi divulgado, continuou a dormir ao lado do corpo dele.

Após denúncias do proprietário da residência de que não recebia o aluguel desde 2012, policiais foram até o apartamento do casal belga. Então, o segredo da viúva, que nunca havia passado sob suspeitas dos vizinhos, foi descoberto. O corpo de Marcel foi encontrado em bom estado de conservação na cama que ele dividira durante toda a vida com a esposa.

Ao Daily Mail, Philippe Boxho, patologista do Centro Forense de Liege disse: ?Um corpo pode mumificar em um ambiente seco e quente. É preciso, pelo menos, uma semana para chegar a tal estado. Neste caso, o corpo tinha apodrecido na cama e seus órgãos internos haviam derretido?.

Ele explicou ainda que as pessoas podem nunca ter desconfiado da existência de um cadáver no apartamento porque o cheiro de decomposição pode ter sido pensado pelos vizinhos como acúmulo do sujeira. ?Mesmo o cheiro de decomposição humana, que é bastante específico, pode ser tirado pelas pessoas como cheiro de lixo?.

O patologista acrescentou ainda que o caso não o surpreendeu: ?Esta não é a primeira vez que eu fiz uma descoberta desse tipo. Eu já vi duas ou três outras ocasiões, nas quais pessoas em luto continuaram a dormir com o corpo de seus parceiros?.

A viúva foi levada para avaliação psiquiátrica. O caso será investigado pelo Ministério Público de Bruxelas.


Viúva belga dormiu por um ano ao lado do marido morto em Bruxelas

Viúva belga dormiu por um ano ao lado do marido morto em Bruxelas

Fonte: Extra