Xerife dá pintada na perereca e é afastado do cargo

Ele ainda deu alguns choques e admitiu vontade de fazer sexo com ela



Raul Alvarado, que é xerife de uma cidade no Arizona, Estados Unidos, estava de saco cheio da vida. Não tinha ninguém para prender, um marasmo danado. Aí ele teve a tosca ideia de se divertir às custas de uma perereca.

Ou melhor, era um sapo.

Ele pegou o sapinho, que estava lá dando mole, e pintou o bicho com corretivo líquido (branquinho).

Segundo pessoas que trabalhavam com Alvarado, que foi afastado do cargo, ele também usou uma arma de eletrochoque no sapo por cerca de cinco segundos.

Uma mulher contou que o ex-xerife comentou com ela o desejo de fazer sexo com o bicho e ?falava da tortura como se fosse um campeão?.

Uma investigação interna foi aberta para analisar o caso. O acusado se defendeu, disse que não deu choque no anfíbio, mas admitiu que gostaria de ter relação sexual com ele.

Fonte: R7, www.r7.com