Rede Meio Norte transmite o Encontro Nacional de Folguedos

Rede Meio Norte vai mostrar a festa para o telespectador piauiense

A 39ª edição do Encontro Nacional de Folguedos começa hoje e vai até o dia 22, na Vila Olímpica do Albertão. Ontem, o ministro da Cultura, Juca Ferreira, veio prestigiar o lançamento dos festivais de Folguedos, Rabeca e Festluso e visitou, ainda, o Núcleo de Produção Digital.


Image title

Na abertura, que terá transmissão da Rede Meio Norte, o Encontro de Folguedos vai receber o Ile Oyá, Os Raimundos (repentista), Reisado do Piauí do Mestre Severo, bumba meu boi Precioso de Timon, Grupo afrocultural Coisa de Nêgo, quadrilha Explosão Estrela de Teresina, quadrilha Mistura Gostosa de Cocal de Telha e quadrilha Zabumbada de Altos.

No palco Cabeça de Cuia, as atrações são Isac do Acordeon, Mara Pavanelly, Lilly Araújo, Italo e Reno, Frank Aguiar e Lagosta Bronzeada.

Image title

Na quinta, esse mesmo palco receberá João Cláudio Moreno, Forró dos Plays, Mano Walter, Banda Encantus. Na sexta, será a vez de Zé Maxixe, Valor de PI, Xenhenhen, Hanna, Frank Sabbá e banda. No sábado, quem faz a festa do público é Donna Fulô, Christian Ribeiro, Farra da Gordinha, Jonas e Forró Esticado e Axé Vip do Sertão.

Tradicional no calendário cultural do Piauí, o Encontro Nacional de Folguedos recebe grupos folclóricos de José de Freitas, do Maranhão e demonstra a força dos grupos de Teresina, que todos os anos enche os palcos de alegria e muito colorido.

Uma das atrações mais presentes no festival é o Reisado do Mestre Severo, que ao longo de 77 anos de idade só deixou de participar dos folguedos uma vez.

Ele é o responsável por manter viva a tradição do reisado em Teresina e espera que seus filhos e netos deem continuidade ao grupo. “Hoje, meu maior sonho é gravar um DVD com os veteranos do reisado”, confessa o mestre Severo.

Ao longo desses anos, mestre Severo diz que só deixou de participar de uma edição dos Folguedos e ainda se recorda do primeiro ano do evento, no Parque Poticabana.

“Antes do Encontro ser Nacional, tínhamos o Piauiense, que acontecia na Praça da Bandeira”, relembra. O grupo dirigido por Severo é formado por 25 pessoas, mas ele chama a atenção para os personagens principais: a burrinha, o pinhão, a cigana, o casal de velhos, a ema, o boi e a jaraguaia.

“Cada personagem tem uma música e a apresentação é feita em três tempos. No primeiro tem o canto de entrada, no segundo é o boa noite dos caretas e o terceiro é a entrada dos personagens”, explica.

O reisado vai se apresentar no palco bumba meu boi, na quarta-feira (19). Além do Reisado do Piauí, apresenta-se no mesmo palco o Reisado mestre Branquinho, de União, na quinta-feira (20), e na sexta-feira (21) tem o Reisado Minha Estimação, de Teresina. As quadrilhas e o bumba meu boi também vão se apresentar neste espaço.

“O Encontro reúne mais de 5 mil artistas de todo o país. Estamos fazendo um esforço para garantir a realização dessa grande festa, que faz parte do calendário cultural piauiense”, diz o secretário Fábio Novo.

Rede Meio Norte aposta na cultura piauiense

A Rede Meio Norte vai mostrar a festa para o telespectador piauiense. A emissora aposta no talento e nas tradições culturais do Estado.

Segundo o coordenador de produção, Marcos Monturil, a Rede Meio Norte dá visibilidade à cultura piauiense em todos os segmentos. "Estamos presentes na cobertura de eventos grandiosos, como os Folguedos.

Queremos mostrar a tradição cultural e o quanto o Piauí sabe organizar eventos conhecidos nacionalmente", diz, enfatizando que o Encontro Nacional de Folguedos é um dos maiores eventos do Estado, uma festa popular que reúne grupos folclóricos, bandas de forró e muitas quadrilhas, e tudo isso será mostrado para o telespectador.

Fonte: Jornal Meio Norte