Nana Gouvêa diz que quase foi vítima de um Boa noite, Cinderela em boate no Rio

Em casa, ela passou mal e fez coisas impublicáveis

Nana Gouvêa diz ter sido vítima de uma pessoa má intencionada, anteontem, na boate 00. Ela percebeu que tinha algo errado com a bebida oferecida e foi embora, aos trancos e barrancos. Em casa, ela passou mal e fez coisas impublicáveis.

"Acho importante alertar as pessoas. Normalmente, eu não bebo e, depois disso, não aceito mais nada na rua. Senti a caipivodka melada, bem doce. Parece que colocaram muito açúcar para disfarçar o sabor estranho, sabe? Fiquei muito alegrinha com meio copo apenas e estranhei. Resolvi ir embora na hora. O rapazinho ainda me cercou na saída, quis me cantar, pedir meu telefone, mas caí fora. Ainda bem que moro perto da boate e consegui chegar em casa.

Eu estava me sentindo tão mal que quase bati o carro e não lembro do que fiz de madrugada. A sorte é que a minha empregada, Eliane, estava aqui comigo e cuidou de mim. Mas a coitada nem dormiu porque não deixei. Dei até folga uma folga extra a ela", conta a beldade, já recuperada do susto: "Podia ter sido pior".

Fonte: Extra, extra.globo.com