"Nem Silvio de Abreu sabe quem vai morrer", diz ator de "Passione"

Segundo ele, ninguém na produção sabe responder a pergunta que intriga os telespectadores

O ator Jovane Nikolic falou ao Terra na tarde desta terça-feira (21) sobre seu trabalho na novela Passione. Dizendo desconhecer quem vai morrer na trama, o intérprete do investigador Geraldo afirmou não saber nem se volta a aparecer.

"Provavelmente eu volto para Passione, porque não posso fazer outras novelas. Por enquanto estou preso ao Silvio de Abreu", disse. Ele ainda completou que se voltar à novela será para investigar os assassinatos que o autor anunciou. "Eu quero que alguém morra para eu voltar".

Segundo ele, ninguém na produção sabe responder a pergunta que intriga os telespectadores: quem será assassinado? "Nem o Silvio de Abreu sabe quem vai morrer". Para ele, o autor pode não ter decidido ainda o caminho a seguir.

Durante os cerca de dez dias em que esteve gravando suas cenas, Nikolik participou de conversas entre o elenco da novela para tentar desvendar o mistério. "Naquela época a gente achava que quem iria morrer era o Werner Schünemann, intérprete de Saulo".

Ele mesmo reconhece, no entanto, que as suspeitas logo mudaram para o personagem Fred, de Reynaldo Gianecchini. Questionado sobre a morte de Diana, Jovane despista. "Quem é mesmo a Diana? Ela vai matar alguém, é isso?".

Com mais de 15 anos de carreira no teatro, dez deles envolvido no monólogo Deus no Divã, o ator, diretor, escritor e professor de teatro diz nunca ter tido repercussão tão grande quanto neste trabalho em Passione.

"As pessoas que te conhecem voltam a falar com você. Todas as minhas ex-namoradas reapareceram", brinca o ator, reconhecendo a força de estar na novela das oito da Rede Globo.

Fonte: Terra, www.terra.com.br