Neymar afina conclusões e se credencia a top 3 com Pelé

Neymar afina conclusões e se credencia a top 3 com Pelé

A lista tem outros nomes recentes da história do clube.

Neymar encerrou a sua primeira Copa Libertadores, em 2011, como vice-artilheiro: seis gols, um atrás de Wallyson e do argentino Nanni. Nesta quarta-feira, inicia contra o The Strongest, da Bolívia, às 19h45 (de Brasília), em La Paz, a luta para uma provável quebra de novos recordes pessoais.

Atualmente, o camisa 11 é o 13º artilheiro santista em Libertadores, mas, caso mantenha a média da última competição e o atual momento, poderá entrar para o "top 3", liderado por Pelé, com 17 gols, e sucedido por Robinho, 14, e Coutinho, 11.

A lista tem outros nomes recentes da história do clube, como o atacante Ricardo Oliveira - maior artilheiro santista em uma só edição da competição, com 9 gols - além de Zé Roberto, desejo de contratação santista para o restante do torneio.

A inspiração para a quebra de novos recordes parte de um início de temporada perfeito. Ao todo, o atacante já marcou quatro gols nos três primeiros jogos pelo Santos, com média excepcional de finalizações.

De acordo com o Footstats, foram nove para marcar quatro vezes no estadual. No último Brasileiro, por exemplo, foram 53 tentativas na competição para 13 gols. O desempenho fundamental na última Libertadores foi coroado com o prêmio de Rei da América, entregue pelo jornal uruguaio El País ao melhor jogador sul-americano.

Neymar ainda acumulou outras premiações recentes como o de terceiro melhor jogador do Mundial de Clubes, no Japão, onde o Santos foi vice-campeão, e o Troféu Puskas pelo gol mais bonito do ano em eleição da Fifa. O atacante chegou aos 100 gols na carreira diante do Palmeiras, no último dia 5.

Veja a lista com os 15 maiores artilheiros santistas em Libertadores:

1. Pelé: 17 gols 2. Robinho: 14 gols 3. Coutinho: 11 gols 4. Ricardo Oliveira: 9 gols 5. Pepe: 8 gols 5. Diego: 8 gols 7. Kléber Pereira: 7 gols 7. Zé Roberto: 7 gols 9. Neymar: 6 gols 9. Dorval: 6 gols 9. Molina: 6 gols 9. Basílio: 6 gols 9. Ricardinho: 6 gols 9. Elano: 6 gols 15. Alex: 5 gols 15. Deivid: 5 gols

Fonte: Terra