Carolina Dieckmann não foi com a cara de Reynaldo Gianecchini

De acordo com o Diário de S. Paulo, detalhes serão contados em biografia do ator

No próximo dia 11, será lançada, em São Paulo, a biografia de Reynaldo Gianecchini. De acordo com o jornal Diário de S. Paulo, entre as entrevistas, o escritor Guilherme Fiúza, autor dos livros Meu Nome Não É Johnny e Bussunda A Vida do Casseta, se surpreendeu com o bate-papo com a atriz Carolina Dieckmann.

? Achei que a entrevista dela seria uma conversa trivial e, no fim, foi uma das que mais rendeu. A história dele se cruza com a dela, que virou atriz por acaso e na estreia era uma menina.

Guilherme revelou também que Dieckmann não foi com a cara de Gianecchini no início de Laços de Família (Globo).

? Quando ele chegou no estúdio, ela desconfiou daquele rapaz inexperiente. Ela não foi simpática com ele, mas depois eles se amaram.

Ainda de acordo com a publicação, outra surpresa é que além dos diretores, familiares e artistas da Globo, Guilherme Fiúza correu atrás da equipe médica que cuidou de Giane durante o tratamento do câncer.

? Os depoimentos dos médicos também foram bem importantes para mostrar como ele foi guerreiro e passou por tudo isso com muita esperança.

Fonte: r7