Nos 18 anos de "Malhação", 1ª mocinha da novela encontra Agatha Moreira

O encontro da duas mocinhas de épocas diferentes

Quando Juliana Martins surgiu como Isabella na estreia de ?Malhação?, em 1995, Agatha Moreira tinha só 3 anos e pouco entendia de televisão. Hoje, 18 anos depois, ela faz sua primeira aparição na TV como Ju, protagonista da atual temporada, e trilha o mesmo caminho da primeira mocinha da trama.

? Na minha época, não existia DVD, por exemplo, e ninguém nem imaginava que pudessem surgir smartphones. Hoje, os personagens são muito ligados à tecnologia. Acho que tudo era mais romântico naquele tempo também. Mas é interessante ver que alguns assuntos não mudaram. A novela continua tratando de sexo, drogas... Minha filha, de 12 anos, adora assistir ? diz Juliana, de 38, que hoje se dedica ao teatro.


Nos 18 anos de

Nos 18 anos de

Nos 18 anos de

Diferentemente de Agatha, que era modelo antes de entrar em ?Malhação?, Juliana começou a atuar aos 11 anos. Sua primeira novela foi ?A gata comeu?, em que tinha como colega de elenco Danton Mello. O ator viria a ser seu par romântico na trama jovem, formando um triângulo com o personagem de Luigi Baricelli (abaixo). A atriz pegou a época pré-Projac, em que as gravações ainda eram nos estúdios da Cinédia, em Jacarepaguá.

? Deve ter sido muito interessante para ela fazer parte de um projeto que ninguém sabia se daria certo. Para nós, é mais fácil, pois já sabemos como funciona. Mesmo assim, quando recebi a notícia de que participaria, fiquei muito nervosa. Estava a trabalho em Nova York e enviei o vídeo do meu teste pela internet. Depois de aprovada, sentei no meio da rua e comecei a chorar ? lembra Agatha, de 21 anos, que passou a ver a novela por causa da prima Samara Felippo.

Embora experiente quando entrou para ?Malhação?, Juliana sentiu o mesmo frio na barriga e teve dúvidas sobre a longevidade da atração:

? Jamais pensei que fosse durar 18 anos. Achei que a história seria sem graça e superficial, mas foi tudo complexo e delicado. Sofri para tirar Bella de mim. Naquele tempo, tinha muitas certezas. Hoje penso que ainda tenho muito a aprender. E essa é minha maior dica para Agatha.

Fonte: Globo