Afrânio tem mãos limpas e nunca matou ninguém em Velho Chico

Coronel demonstra ressentimento pela mãe, após revelação

Na reta final de Velho Chico, novela exibida na Globo, o telespectador vai descobrir que Afrânio (Antônio Fagundes) nunca matou ninguém. A revelação acontece durante uma conversa entre ele e Encarnação (Selma Egrei) antes dela morrer.

"Você não tem uma só morte nas suas costas! No meio desse inferno você fez mais do que seu pai sonhou em fazer um dia sem derrubar uma gota de sangue!".

O coronel se mostra ressentido com a mãe.

"Até porque, nunca fui macho pra isso... como a senhora dizia".

A matriarca, então, se desculpa com o filho.

"Sei que nunca te disse, devia ter dito antes, mas, para mim, você foi muito mais macho que seu pai foi um dia! Mandar matar é para qualquer um, fazer é para alguns... Agora, sustentar isso tudo com as mãos limpas de sangue, é pra ninguém, Afrânio! É pra ninguém!".

Ele recebe isso emocionado. E fala, de costas para ela.

"É por isso mesmo... por tudo que sofri esses anos todos, que não posso deixar isso morrer com a senhora e muito menos comigo!".

Encarnação entra em seu quarto depois da conversa com Afrânio e vê a mortalha pendurada por ali. A apanha e mede cada palmo de sua veste e cada rasgo feito em seu acesso de fúria.

"Não era assim... não era assim para ser assim! Não era o que você queria de sua vida. Nem você nem mesmo Deus podem mudar o começo dessa história, Encarnação. Mas se pode mudar o fim!", diz ela.

Afrânio (Crédito: Reprodução Globo)
Afrânio (Crédito: Reprodução Globo)
Fonte: O Fuxico