Cora irá matar Reginaldo e Jurema, e simular estupro, diz Aguinaldo Silva

O assassinato em dose dupla ocorrerá depois que Reginaldo tentar tirar a virgindade de Cora.


Nos próximos capítulos da novela “Império”, Cora (Marjorie Estiano) fará duas novas vítimas. A megera  empurrará Jurema (Elizângela) da escada do sobrado onde mora e dará um tiro em Reginaldo (Flávio Galvão). As cenas irão ao ar em fevereiro na trama escrita por Aguinaldo Silva.

Para se safar da polícia, a vilã irá fingir que Reginaldo tentou estuprá-la e alegará legítima defesa, e ainda o acusará de ter empurrado a esposa da escada. O assassinato em dose dupla ocorrerá depois que Reginaldo tentar tirar a virgindade de Cora. Em breve, ‘dona cobra’ será feita de escrava pelo casal porque ele gravou um vídeo da noite em que Fernando (Erom Cordeiro) foi assassinado.

Nas imagens, Cora aparece junto com Jairo (Julio Machado) arrastando o advogado desmaiado para dentro de seu carro. Chantageada, a tia de Cristina (Leandra Leal) terá que limpar chão, fazer comida e até cortar as unhas de Reginaldo. Em seguida, ele aparecerá em três cenas interessado em fazer “Cora virar mulher”.

“Reginaldo bem que tentará, mas Cora o mata e aproveita para matar Jurema também. Esta será empurrada da escada e Reginaldo, morto com um tiro do próprio revólver. Claro que Cora se rasgará toda, literalmente, e dirá à polícia que Reginaldo a agarrou em seu quarto, que Jurema deu o flagrante quando ia fugir e Reginaldo a empurrou escada abaixo. E aí, para evitar que ele também a matasse, Cora atirou nele com o revólver que ele havia deixado em sua mesinha de cabeceira, quando tentava dar um pega nela”, contou Aguinaldo Silva.

Desde que Jurema começou a pressionar Cora para saber o paradeiro de seu filho Jairo, que a megera tem pensado em voltar a dar uma de Nazaré Tedesco (Renata Sorrah), personagem que ficou conhecida por empurrar da escada de sua casa quem a atrapalha-se em “Senhora do Destinho”, em 2004. Reginaldo será um segundo a ser empurrado por Cora da escada.

Ainda na interpretação de Drica Moraes, a vilã adotou o mesmo método para matar Fernando, o ex-noivo de Cristina. Como o rapaz não morreu, ela pediu para Jairo dar “um fim no advogado”. O carro do advogado foi jogado em uma ribanceira e explodiu.

Fonte: TVfoco